Um olhar sobre a História & Cultura da Madeira

 

 

Um destino de vulcões extintos 

As origens vulcânicas da Madeira fazem-nos recuar no tempo 5 milhões de anos. Camadas sobrepostas de lava, cinzas e rochas acabaram por originar as quatro ilhas que compõem o arquipélago - Madeira, Porto Santo, Desertas e Selvagens. Tais erupções vulcânicas deixaram para trás criações montanhosas impressionantes que são, hoje, uma das maiores atrações turísticas do mundo. 

 

 

Breve História 

Os capitães portugueses, João Gonçalves Zarco e Tristão Vaz Teixeira, descobriram a Ilha do Porto Santo em 1418, mas a sombra misteriosa ao horizonte intrigara-os. Foi então que após 1 ano, rumaram até lá e acabaram por descobrir o atual ‘’Melhor Destino Insular do Mundo’’, a Ilha da Madeira. A origem do seu nome é um tanto óbvia, mas o da sua capital, o Funchal, deve-se à abundância de funcho com que os colonizadores se depararam. O início do processo de colonização data de 1425 e, de imediato, se começou a tirar proveito dos excelentes recursos naturais da ilha.

 

cover_a-statue-of-zarco-stands-on-the-avenida-arriaga-timelapse-hyperlapse-and-banco-de-portugal-in-the-background-in-funchal-madeira-portugal.-image
Estátua de Zarco
Avenida Arriaga, Funchal

 

Açúcar, Rum & Mel: A Época do Ouro Branco

No século XV, a Madeira inicia o cultivo da cana-de-açúcar, importada da Sicília pelo Infante D. Henrique. Com a rápida expansão da indústria da cana sacarina, o Funchal torna-se um centro comercial de excelência, frequentado por comerciantes de várias nacionalidades, o que muda a sua dimensão financeira insular. Em 1472, o açúcar da Madeira começa a ser directamente exportado para a Flandres, passando esta a ser o seu principal centro redistribuidor. Reconhece-se assim à Madeira uma particular importância no eixo destas relações entre a Flandres e Portugal.

Com a produção da cana-de-açúcar, a Madeira atraiu e fixou aventureiros e comerciantes das mais recônditas origens, tendo esta exploração sido considerada, na altura, como o principal motor da economia madeirense. Muitos foram os estrangeiros que se deslocaram à Região para o negócio do açúcar, sobretudo italianos, bascos, catalães e flamengos.

A comercialização do açúcar na Madeira teve o seu ponto alto na década de 20 do século XVI e coincide com a datação da maioria das obras de arte flamengas existentes na ilha, demonstrando o ambiente de prosperidade comercial que era notório. Foram importadas obras de gigantescas proporções, sobretudo pinturas, aparatosos trípticos ou retábulos mistos, assim como imagens de vulto de Bruges, Antuérpia e Malines. Também foram importados objectos de prata e cobre e pedras tumulares com incrustações de metal, provenientes da Flandres e do Hainaut, como as que podem ser vistas atualmente na Sé Catedral do Funchal e em Museus como o de Arte Sacra.

 

rum-factory-porto-da-cruz-madeira-portugal
Barris de Rum

 

O Vinho

No século XVIII, a economia da Madeira voltou a prosperar com a introdução da cultura da vinha e, consequentemente, com a sua transformação em vinho. Sabia que o vinho da Madeira foi a bebida escolhida para o brinde de celebração de grandes momentos da História? É exemplo a Celebração da Independência dos Estados Unidos da América, a 4 de julho de 1776. Citando o ilustre Winston Churchill, beber vinho madeirense é ‘’beber História líquida’’. 

 

Sugarcane is one of main crops of Madeira islands, Portugal, European destinations to travel.
Vinho Madeira

 

 

Top 10 Museus na Madeira

 

1. Museu Cristiano Ronaldo 

Para os fãs de futebol europeu, uma viagem à terra natal de Cristiano Ronaldo não estaria completa sem uma visita ao seu museu, localizado numa das ruas mais movimentadas do Funchal. Conheça os pormenores da carreira futebolística do internacional português e observe de perto os troféus que o mesmo segurou em momentos de glória. 

 

Museu Cristianao Ronaldo, Funchal, Madeira, Portugal, Europe
Museu CR7

 

2. Museu de Arte Sacra

Inaugurado em 1594 na principal praça do Funchal, o Museu de Arte Sacra é uma homenagem à Arte Portuguesa do século XV a XIX, e à Arte Flamenga do século XV a XVI, conhecida pela sua grande qualidade. Peças das 3 principais coleções de pintura, escultura e ourivesaria ligadas à Arte Sacra estão completamente preservadas neste museu, onde resistiram ao teste do tempo. 

 

 

3. Museu do Vinho da Madeira

Apesar de serem muitos os museus dedicados ao vinho da Madeira, destaca-se o ‘’The Old Blandy Wine Lodges’’ ou ‘’Adegas de São Francisco’’, onde estamos perante as adegas mais antigas da ilha. O museu insere-se num edifício de estilo barroco que deve visitar para uma melhor compreensão sobre a história e tradição vinícola madeirense e para uma experiência de prova de vinhos! 

 

the-old-blandys-wine-shop-in-funchal-is-also-madeira-s-wine-museum.-madeira-islands-portugal-european-destinations
The Old Blandy Wine Lodges

 

 

4. Casa Museu Frederico de Freitas

A arte de Frederico de Freitas, um ilustre advogado, notário e coleccionador madeirense está agora em exposição,  atraindo em especial os entusiastas da arquitetura, não fosse a sua casa considerada uma das mais emblemáticas construções urbanas civis do Funchal. A Casa Museu Frederico de Freitas conta com coleções de escultura, pintura, gravura, móveis, cerâmica e cristais do próprio. 

 

 

 

5.  Museu da Quinta das Cruzes

A Quinta das Cruzes era a segunda residência oficial do primeiro Capitão Donatário das ilhas da Madeira que, por acaso, eram os sogros de Cristóvão Colombo. A coleção de mobiliário estrangeiro, joalharia, cerâmica e escultura é bastante elucidativa do estilo de vida das importantes figuras histórica da região. Para além da moradia oficial, a propriedade dispõe ainda de uma capela privada, a de Nossa Senhora da Piedade, e de um jardim bem cuidado.

 

 

6. Casa Museu Cristóvão Colombo 

Sabia que Cristóvão Colombo viveu na Ilha do Porto Santo durante 2 anos com a sua esposa? Esta, de nome Filipa Moniz, era filha do primeiro Capitão Donatário da ilha. Entre 1480 e 82, a figura histórica que descobriu o caminho marítimo para a América do Norte viveu numa casa que, hoje, foi transformada num museu. A vida na ilha teve um contributo bastante benéfico na educação marítima de Colombo, onde aprendeu a domesticar o oceano Atlântico e a derrotar os seus monstros, conseguindo chegar à América do Norte em 1492. 

 

Cristovao Columbus statue in Funchal city, Madeira island, Portugal, European destinations
Estátua de Cristóvão Colombo

 

7. Museu de História Natural (Jardim Botânico da Madeira)

Complete a sua visita ao luxuriante Jardim Botânico da Madeira com uma ida ao Museu de História Natural, possuidor de uma rica representação do património natural do arquipélago. Num lugar onde se preza a natureza, da fauna à flora, prepare-se para encontrar uma rica coleção de fósseis; minerais; insetos; animais vertebrados e invertebrados embalssemados. No exterior, desfrute do colorido jardim e encante-se com o aroma natural das flores típicas da Madeira. 

 

 

 

8.  Museu & Jardim Tropical do Monte Palace 

A todos aqueles que visitem a Ilha da Madeira, uma visita ao Jardim Tropical do Monte Palace é obrigatória. E agora, a melhor coisa sobre o Museu do Monte Palace? A sua coleção de escultura e de minerais está incorporada nos recantos do jardim, fazendo dele um museu ao ar livre e um dos mais agradáveis de visitar em todo o arquipélago. 

 

Monte Palace Tropical Garden in Madeira island, Portugal, European destinations
Jardim do Monte Palace

 

9. Museu da Cana-de-açúcar

Na ponta oeste da Madeira, na Calheta, os visitantes podem encontrar um museu dedicado a uma das principais culturas da ilha - a cana-de-açúcar, que foi também a grande responsável pelo sucesso económico do Funchal logo após a sua colonização. Veja por si mesmo as ferramentas de outros tempos utilizadas para transformar a cana-de-açúcar em mel e aguardente/rum. 

 

 

 

10. Museu da Baleia 

O Museu da Baleia da Madeira abriu portas em 1989 e apresenta uma coleção de artefactos utilizados na antiga prática da baleação, uma realidade económica da Ilha da Madeira durante o século XX. Conta ainda com uma exposição em tamanho real de várias espécies de baleias e golfinhos, assim como de clips em 3D.

 

 

Pacotes de Viagem

Obtenha €50 de desconto na sua primeira viagem!
Subscreva a nossa newsletter e tenha um desconto de €50 na sua próxima viagem!
Sign up and get €50 off your next purchase with Azores Getaways Travel Rewards Program